terça-feira, 25 de outubro de 2016

Dia da Biblioteca Escolar


E o dia da Biblioteca Escolar, 24 de outubro,  comemorado com a colaboração do Plano Nacional de Cinema, proporcionou a alunos de várias turmas do 10.º ano a contemplação de um filme muito especial "La tête en friche/As minhas tardes com Margueritte" de Jean Becker, 2010, uma adaptação cinematográfica da obra literária homónima da autoria de Marie-Sabine Roger. 
Margueritte ensina Germain Chazes  a ler porque "ler também é  escutar”.



E  que dizer sobre o Dicionário? 

“Com um dicionário viaja-se de palavra em palavra. Perdemo-nos no labirinto. Fazemos pausas, sonhámos.”
Margueritte

“As outras variedades de tomate não cresceram no dicionário. (...)
Não encontro as palavras difíceis e quando as encontro não concordo com elas.”
Germain Chazes

Agora, está em curso o trabalho invísivel de descodificação fílmica porque um filme é um ponto de partida, nunca de chegada. 











Sem comentários:

Enviar um comentário